Núcleo de Estudos Pró-Amazônia (NEPAM)

O Núcleo de Estudos Pró-Amazônia (NEPAM), do ISAVIÇOSA, desenvolve projetos socioambientais na região amazônica. Tem na Floresta Nacional (FLONA) do Purus o foco de suas ações, contribuindo para a implantação do Plano de Manejo e para a sustentabilidade das populações residentes.

A região amazônica destaca-se por sua incalculável riqueza biológica, sendo hoje um dos maiores e mais importantes patrimônios naturais do planeta. Além da riqueza natural, a Amazônia abriga também uma grande diversidade cultural, representada por povos indígenas de diversas etnias e por comunidades tradicionais remanescentes de antigos quilombolas, além de seringueiros, castanheiros, ribeirinhos, babaçueiros, entre outras.

A Floresta Nacional (FLONA) do Purus, localizada no município de Pauiní - AM é uma Unidade de Conservação Federal de Uso Sustentável que tem por objetivo garantir a conservação e o desenvolvimento sustentável em uma das maiores áreas de floresta contínua do planeta.

A comunidade da Vila Céu do Mapiá, com cerca de 600 habitantes, constitui o maior núcleo populacional da FLONA do Purus. Representada pela Associação de Moradores da Vila Céu do Mapiá (AMVCM) e organizada em diversas instituições, movimentos, projetos e frentes de trabalho, a comunidade trabalha em parceria com entidades governamentais e não governamentais buscando promover a conservação ambiental aliada à melhoria da qualidade de vida para os moradores da área, com vistas ao desenvolvimento de um modelo de ocupação sustentável adequado ao contexto amazônico.


O NEPAM engloba os projetos:

MANEJO FLORESTAL COMUNITÁRIO NA VILA CÉU DO MAPIÁ- apoio técnico à implementação do Manejo Florestal Comunitário Sustentável na Vila Céu do Mapiá.

COMUNICAÇÃO E EDUCAÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE - formação de agentes de comunicação comunitária para sustentabilidade biocultural na Vila Céu do Mapiá.

AMAGAIA - PROGRAMA GAIA - Educação para Design de Ecovilas (EDE) na Amazônia - Apoiando a emergência de estratégias de Ecovilas para a resiliência comunitária na Floresta Nacional do Purus

REDE DE COOPERAÇÃO - AMIGOS DO CHICO CORRENTE