Isaviçosa

EnglishPortuguese
EnglishPortuguese

Representantes municipais visitam ISAVIÇOSA

Na quarta-feira, 16 de fevereiro, o ISAVIÇOSA recebeu a visita do secretário municipal de Agropecuária e Desenvolvimento Rural de Viçosa, Geraldo Cardoso, e do vereador Marcos Evangelista (PSDB). E também de Reginaldo Valente, chefe do Departamento de Agropecuária e Vinícius Augusto, chefe do Departamento de Inspeção Municipal.

Bráulio Furtado, membro da equipe técnica do ISAVIÇOSA, apresentou aos visitantes as técnicas de manejo dos recursos hídricos aplicadas nas estradas internas e na via municipal que corta o Sítio Palmital.

Fazendo um breve histórico do local, Bráulio relatou que a partir de 2004, foram iniciadas as ações de regeneração ambiental. Em 2015, o ISAVIÇOSA promoveu o curso de Plantio de Água em parceria com a PLANT’ÁGUA, quando passou a adotar essa tecnologia social no manejo e conservação dos recursos hídricos.

Os visitantes puderam observar as estruturas de captação, condução e armazenamento de água, a conformação da estrada, as canaletas laterais e as saídas do fluxo para as caixas secas (barraginhas) construídas às margens das vias. O estado de conservação das estradas no local chamou bastante a atenção pois, apesar das chuvas intensas ocorridas nessa estação chuvosa, continuam transitáveis.

Constataram ainda que o Plantio de Água contribui para a infiltração das águas da chuva e para a recarga do lençol freático. Também retém os sedimentos da água, o que evita o assoreamento dos córregos e rios, e possibilita a reutilização no recapeamento das estradas, trazendo economia financeira.

Por fim, o grupo falou sobre a possibilidade de replicação da tecnologia em todo o município de Viçosa, com o apoio e capacitação do ISAVIÇOSA. Foi colocada a necessidade de um trabalho de sensibilização junto às comunidades para a compreensão da técnica e da realização de um diagnóstico das estradas rurais e levantamento das necessidades para a readequação.

O secretário Geraldinho propôs começar as reformas das vias na região da APA do São Bartolomeu, Paraíso e adjacências, em meados do mês de março. De acordo com o secretário, a estratégia é arrumar toda uma região e, só então, passar para outra, dando assim uma solução definitiva à população.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp